domingo, 15 de janeiro de 2017

CR São Miguel 13 x 32 MRC Bairrada

Bairrada inicia o ano como terminou o anterior: a vencer

O Moita Rugby Clube da Bairrada iniciou no passado Sábado a 2ª volta do Campeonato Nacional com uma difícil deslocação a Lisboa para defrontar os “bulldogs” de São Miguel. Um jogo que se previa muito intenso e de grande exigência física muito à semelhança daquele que se disputou na jornada inaugural do campeonato e onde o MRCB venceu por um ponto na bola de jogo final.

Preparada física e psicologicamente para a exigência, o Bairrada entrou forte no jogo e nos primeiros 20 minutos marcou por duas vezes através de Jorge Carvalho e Miguel Heleno mostrando eficiência e eficácia nas suas investidas. Porém, alguma desconcentração e demasiadas faltas (14 penalidades contra na 1ª parte) nos seus 40 metros permitiu ao São Miguel crescer no jogo convertendo duas penalidades e um ensaio e partindo para a frente no resultado por 13-11. Uma penalidade na bola de jogo da primeira parte no meio campo convertida fenomenalmente por Gonçalo Almeida permitiu à Bairrada não ir para intervalo em desvantagem colocando o resultado em 13-15 para o MRCB. Resultado que claramente penalizava a Bairrada mas que acabava por ser justo face às demasiadas faltas efetuadas.

Durante o intervalo o MRCB reagrupou, refrescou ideias e procurou identificar o que estava a correr menos bem sobretudo no período entre os 20 e os 35 minutos de jogo.

E não mais o São Miguel viria a marcar. A 2ª parte partiu com a Bairrada novamente por cima do jogo, concentrada e o seu jogo vivo e dinâmico permitiu não só somar a vitória como o ponto de bónus ofensivo que tão bem premeia quem mais quis levar de vencido o jogo. A bairrada viria a marcar por mais 3 vezes com ensaios de Vasco Gomes, Gonçalo Almeida e Pedro Santos e só não conseguiu marcar por mais vezes por alguma precipitação na hora de finalizar.


Resultado final: 13 -32 para a Bairrada. Vitória muito festejada em Lisboa que premeia o trabalho intenso que está a ser feito na Aldeia do Rugby, iniciando este ano de 2017 em beleza. Uma palavra também de mérito para o pack avançado bairradino que soube estar à altura da exigência do jogo e que tanto sofreu na 1ª jornada e que apesar do seu menor porte físico e peso esteve sempre por cima nos alinhamentos e na sua formação ordenada nunca deu o braço a torcer. Parabéns a todos. Para terminar, o dia não poderia acabar sem uma 3ª parte digna das gentes do rugby, com muita alegria e animação.
(tabela retirada do blog Mão de Mestre)
 Com esta vitória a Bairrada sobe ao 2º lugar deixando para trás o Benfica.    

Jogaram pela Bairrada:

XV Bairrada: Diogo Pini, Vasco Gomes, Miguel Dias, Bruno Almeida, Rui Ferreira, Gonçalo Almeida, Pedro Santos, Miguel Heleno, Rui Rodrigues, Pedro Heleno, Flávio Maurício, Jorge Carvalho, David Lourenço, André Abrantes e Ruben Ari.  
Suplentes: Marco Venâncio, Alexandre Pires, André Galante, David Tribuna, César Duarte, Luís Dias, Henrique Monsanto e Diogo Pereira.         
Treinadores: Marcelo Alves e Fúrio Cinti
Equipe Técnica: Mariana Loureiro e Vasco Rodrigues      

Diogo Rodrigues

Rugby Feminino em 3º Lugar em Arcos de Valdevez


A nossa Equipa Feminina deslocou-se este Domingo a Arcos de Valdevez para disputar a 1a eliminatória da Taça de Portugal.

Neste etapa participaram apenas 4 equipas das regiões Norte ( Porto e CRAV) e Centro do país (Agrária de Coimbra e Moita Rugby Clube da Bairrada) sendo a competição feita num 'todos contra todos'. A equipa Bairradina terminou o torneio em 3o lugar vencendo apenas a equipa da casa!

Jogaram pela Bairrada:

Beatriz Rodrigues, Andreia Silva, Vanessa Galante, Filipa Mesquita, Inês Spínola, Mariana Neves, Ana Barbara e Maria Miguel
Treinadora: Ema Santos

Andreia Silva

Sub 16 mostram bons apontamentos apesar da derrota em Braga

Foi numa fria mas bonita manhã de Inverno que um misto do Moita Rugby Clube da Bairrada e Agrária Rugby se deslocou a Braga, ao campo da Sobreda, para defrontar o clube local, também um misto Braga Rugby e CR Famalicão numa partida amigável.

Os Sub 16/S18 do MRC Bairrada, por não terem, de momento, os números de jogadores necessários para apresentarem equipas, têm vindo a jogar juntos, e com jogadores da Agraria Rugby, partidas amigáveis de modo a terem um mínimo de competição.

Foi assim que se apresentaram em Braga com uma vontade imensa de jogar, o que foi sendo demonstrado dentro do campo. O jogo estava bastante equilibrado com ambas as equipais a lutarem muito, com bastantes bons pormenores de ambos os lados. Quem assistiu ao jogo só poderia estar contente.

Na segunda parte manteve-se o equilíbrio até aos últimos minutos, quando pequenas lesões de jogadores visitantes e uma quebra física, associado ao maior ritmo do Braga ditaram o diferencial que se registou no final do jogo.

Braga/Famalicão 55 – 39 Bairrada/Agrária.

Foi uma boa jornada, onde os jovens bairradinos puderam fazer o que gostam; jogar. De realçar o bom ambiente entre todos os envolvidos, alguns pormenores bem conseguidos pelos nossos jogadores, muita entrega e muita vontade de continuar esta experiência.


Agradecimento especial á Agrária, Braga e Famalicão, e ao árbitro Herculano Guimarães.

João Quintela

Escolinhas também estiveram em campo em Guimarães

A cidade berço recebeu este domingo o 1º Convivio do ano dos escalões de formação. Num dia marcado pelo frio, o sol nunca deixou de brilhar e foi debaixo desse sol que os mais pequenos fizeram, uma vez mais, a festa.

Os sub8 jogaram numa equipa mista, onde havia também jogadores do Viseu e Agrária, realizar ando 3 jogos e sempre repletos de alegria e companheirismo.

Os sub10 entraram em campo da forma que já nos têm vindo a habituar, a sua garra e determinação foram fulcrais para que os 3 jogos disputados fossem de bom nível e com bons pormenores.

Disputando também 3 partidas, os sub12, deixaram Guimarães com o sorriso nos lábios pelo bom trabalho que fizeram. Mais um convívio com muito frio mas com um saldo bastante positivo.

Daniela Andrade

Sem comentários: